top of page

Especialização em Medicina Hospitalar tem aprimorado a qualidade assistencial no Espírito Santo

A Medicina Hospitalista desenvolve suas atividades com foco no cuidado centrado no paciente, desde a admissão até a alta hospitalar. Esses princípios assistenciais, com visão na qualidade e segurança do paciente, são pilares que constam no cronograma de capacitações desenvolvidas e aplicadas pela Sociedade Brasileira de Medicina Hospitalar (SOBRAMH).


Desde outubro de 2020, a SOBRAMH em parceria com o Instituto Capixaba de Ensino, Pesquisa e Inovação em Saúde (ICEPI) tem aplicado o curso de especialização em Medicina Hospitalar.


O curso de especialização que acontece uma vez no mês, aborda o papel do hospitalista como vetor de qualidade na assistência hospitalar. Os treinamentos são conduzidos por profissionais e consultores da SOBRAMH, com expertise em gestão hospitalar e saúde pública.

Neste período já foram abordados temas relacionados: aos Indicadores e Avaliação de Desempenho Assistencial; Gestão de Protocolos Assistenciais, Comunicação Efetiva e Trabalho em Equipe, além da importância da Medicina Hospitalista como pilar de crescimento contínuo da qualidade do serviço hospitalar e no aperfeiçoamento do sistema de saúde.


Para a supervisora de Medicina Hospitalista do Hospital Estadual de Atenção Clínica (HEAC), Fernanda Schwanz as capacitações têm proporcionado trocas de experiências com os hospitais envolvidos no projeto de MH. “A experiência dos projetos mais antigos é de suma importância para o entendimento da dinâmica da MH nos hospitais, principalmente para aqueles que iniciaram recentemente. Durante as capacitações, participamos de discussões das ferramentas da Medicina Hospitalista junto à equipe tutora, além da abordagem e contato com os membros das outras equipes promovendo debates enriquecedores para o projeto”, destacou.


Capacitações On-line


O alinhamento e acompanhamento das atividades assistenciais são debatidos quinzenalmente entre a equipe de Medicina Hospitalista e os consultores da SOBRAMH. É durante a capacitação, por meio da plataforma on-line, que os membros da MH reforçam seu conhecimento, com assuntos relacionados às atividades assistenciais.

“A assistência ao paciente deve ser aprimorada todos os dias – e nossa intenção é mitigar possíveis eventos adversos e proporcionar uma melhoria contínua da qualidade assistencial, com uma equipe mais integrada e segura na execução das suas atividades”, explicou Karen Duarte, consultora de Enfermagem da SOBRAMH.


Além de pautar assuntos focados na qualidade assistencial e segurança do paciente, os envolvidos têm a oportunidade de demonstrar a efetivação dos resultados alcançados nas suas unidades hospitalares. Em junho deste ano, durante o encontro on-line, foi apresentado a evolução do Protocolo de Reconhecimento de Deterioração Clínica e do Time de Resposta Rápida (TRR), no Hospital e Maternidade Sílvio Avidos (HMSA), em Colatina, norte capixaba.


Parceria SOBRAMH e ICEPI


O trabalho que a Sociedade Brasileira de Medicina Hospitalar realiza em sete hospitais do Espírito Santo é por meio de assinatura de um termo de cooperação com o Instituto Capixaba de Ensino, Pesquisa e Inovação em Saúde (ICEPI), ligado ao governo capixaba.


A parceria entre a SOBRAMH e o Governo do Espírito Santo tem como objetivo fortalecer a estratégia do governo estadual em mudar o modelo de atenção hospitalar – com foco centrado no usuário do Sistema Único de Saúde (SUS), com assertividade nas atividades de fluxos assistenciais e institucionais.





Notícias
Artigos e Atualidades
Cursos e Treinamentos